[Série 1938-1950] Rosa Marafona: de foice na mão!

Junqueira Antiga Online

Ter uma foice na mão enquanto se trava uma discussão acesa com outra pessoa nunca é bom sinal, ainda para mais se do outro lado estiver alguém com uma pedra pronta a ser atirada… A história que se conta a seguir passou-se há 64 anos, no lugar de Barros, na Junqueira. Rosa Marafona tinha um objectivo: denunciar Emília Macedo, a “Maceda”, pelo alegado roubo de mato a um proprietário da freguesia de Arcos. O sr. Torres – assim se chamava o tal proprietário – ouviu as acusações de Rosa e decidiu inteirar-se pessoalmente da situação. Para tal, deslocou-se à casa de Emília Macedo “com os melhores intuitos”. Uma vez lá chegado, a “Maceda” negou tudo e disse que o mato foi retirado de uma propriedade ali perto. Decontente com a resposta e como a “Maceda” se preparava para atirar uma pedra, Rosa Marafona respondeu de imediato lançando uma foice que tinha…

View original post mais 42 palavras

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s