José Alexandrino da Silva Faria

Dados biográficos:

 

Notícias completas:

9 DE SETEMBRO DE 1977 Junqueira Resumo histórico A história desta freguesia ainda intimamente ligada ao mosteiro ali fundado pelos monges Agostinhos e cuja igreja, bela e majestosa, é, desde há mais de um século, a paroquial. É pois a maior freguesia do concelho, pelo menos em população. Notas Freguesia de 2ª ordem, a 6 km de Vila do Conde. Orago, São Simão. Pertencente à diocese de Braga. População, 1828 habitantes (1). Tem automóveis de aluguer, rede telefónica e camionetas de carreira para Barcelos, Porto, Póvoa, Vila do Conde e Famalicão. Compreende as populações de Barreiro, Barros, Boucinha, Carvalhal, Casal Coutinho, Casal de Pedro, Casavedra, Cerqueiral, Chantada, Espinheira, Fundão, Garrida, Lamelas, Moinhos, Mosteiro, Ral, Real, Sanguinhal, Venda e Vilar de Matos. Correio de Vila do Conde e Telefone de V. N: Famalicão. A sua Igreja, ultimamente restaurada, é digna de uma visita. O lugar da Espinheira é um dos mais poéticos deste concelho. Tem várias e modernas indústrias de serração, limas e outras. A Quinta do Mosteiro (propriedade particular) que fazia parte do antigo convento dos Agostinhos, tem recantos admiráveis para uma vida contemplativa. Pároco – Adélio Ferreira da Silva Loureiro, a quem a Junqueira muito deve pela obra religiosa e social que ali soube desenvolver. Regedor – José Alexandrino da Silva Faria. Junta – Presidente, Fernando da Silva Fernandes; Secretário, Eduardo Pereira da Silva; Tesoureiro, David Américo Ferreira Alves.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s